CRISE NO GALO

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Chega de enganação.

Não adianta o técnico Vanderlei Luxemburgo dizer que o Atlético não merecia a derrota para o Cruzeiro: 1X0.

Se o rival foi perfeito ao se defender e eficiente no ataque, cadê a injustiça no resultado ?

Não foi uma atuação muito ruim. Perder jogando bem é um consolo.

Quem sabe cria uma perspectiva de que melhorar é possível.

Mas um terço do Campeonato Brasileiro já passou e o Galo do Luxa precisa se explicar.

Resultados negativos são nocivos. Criam um clima insuportável, apesar de toda a confiança de jogadores, comissão técnica e diretoria.

Daqui a pouco, a crise estará instalada, se já não estiver.

Sou contra a quantidade de veteranos que o Galo tem.

Mas vou deixar esse assunto para depois.

Afinal, é preciso destacar a vitória celeste.

Sem Gilberto e Roger, Cuca se virou como pôde.

Escalou o que tinha de mais razoável. Assumiu a condição de time limitado.

Fez o gol e se defendeu. Não havia muito o que esperar.

No caso de uma equipe como essa do Cruzeiro, o mais importante são os três pontos.

Talvez com as estréias de Montillo, Fárias e o retorno dos meias contundidos, as exibições melhorem.

Para mim, qualquer cobrança tem de ser feita na proporção do que lhe é oferecido.

O Cruzeiro tem um técnico e time de investimentos modestos.

Quinto lugar a um ponto do G-4 é ótimo.

Não é o caso do Galo de Luxemburgo.

Penúltimo colocado e iludindo a torcida.

0 comentários:

Postar um comentário

Últimos Comentários

Ocorreu um erro neste gadget

Notícias - COPA 2010

  © BLOG ULISSES MAGNUS - Blogger Design by Emporium Digital